O governo federal anunciou nesta segunda-feira que usará tropas da Força Nacional de Segurança na vigilância das estradas de seis estados durante a Copa do Mundo.


As tropas apoiarão a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em ações de segurança entre 12 de junho e 13 de julho, período do Mundial, segundo uma portaria publicada hoje no Diário Oficial da União.
O uso da Força Nacional será restrito às regiões de seis cidades-sedes, metade das que receberão partidas na Copa: Belo Horizonte, Cuiabá, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Salvador.

O número de soldados e sua utilização seguirão o planejamento dos órgãos de segurança envolvidos e serão definidos em breve, segundo a portaria.